Em busca de equilibrio

Pensei em muitas formas de começar esse texto e me deparei com uma folha virgem muito mais tempo do que imaginava que seria capaz. A verdade é que o titulo deste post define bem o meu estado de espirito atual e ha bastante tempo.

Nesses ultimos tempos eu derivei bastante nas plataformas dos varios blogs que ja criei. Recentemente, regrupei mais ou menos todos os blogs que eu ja tive no meu Across my head, linkado aqui na minha blogroll. Digo mais ou menos porque comecei a escrever e a publicar no final dos anos 90, começo dos anos 2000 e o registro mais antigo que tenho data de 2006, se não me engano. Sem contar as vezes em que tive blogs paralelos, como um blog que alimentei no WordPress em 2007 unicamente para extravasar a dor do término de um namoro. O que foi uma experiência bem louca porque eu escrevia para mim, mas como o blog era publico, varias pessoas chegaram até ele procurando a tematica em motores de busca e deixavam comentarios maravilhosos, que me ajudaram lindamente a passar por essa fase.

A questão é que venho fazendo e desfazendo blogs ha bastante tempo e, como na vida real, acabo deixando para la porque nunca estou satisfeita. Ja passei muitas horas e dias tentando aprender a usar programas de edição de imagem para me satisfazer esteticamente, ou pensando em posts bacanas para me satisfazer na parte do conteudo. Nunca funcionou porque, como muitas coisas até agora na minha vida, eu me interesso por um mês e depois deixo para la. Falta de regularidade, teu nome é Natalia.

Ja fiz blog onde escrevia anonimamente, ja assinei com nome e sobrenome. Ja tentei escrever sobre politica, beleza, cinema, musica, culinaria. Sim, sim, tudo isso. Ja tentei ser engraçada, séria, suscinta, emotiva dark. Ja tentei fazer blog tematico e blog miscelânea. Nada.deu.certo.

E sempre uma dor constatar todo esse fracasso, principalmente nesse momento em que me dou conta de que na vida real não é muito diferente, embora eu não abandone as coisas tão facilmente como na vida virtual. Mas eu me desmotivo. Rapido, muito rapido e isso me deixa muito ansiosa, primeiro porque eu sou uma pessoa ansiosa, e segundo porque não vejo a luz no fim do tunel.

Relato tudo isso porque nesses ultimos meses estou vivendo um desses periodos de desmotivação extrema e preciso encontrar respostas. Preciso me dedicar ao que me da prazer. Mas também preciso encontrar o que me da prazer. Adoro meu trabalho, amo a minha familia e o meu marido loucamente, mas além disso existe um vazio que ainda não foi preenchido.

Para continuar vivendo corretamente inserida na sociedade – e também para me descobrir, acredito – preciso me organizar, ser mais disciplinada.

(Parêntese para uma constatação da vida adulta. Renato Russo tentou me avisar desde os meus 12, 13 anos que disciplina é liberdade e eu sempre dei de ombros.)

Esse blog é sobre isso. Ele não é novo, porque inicialmente foi criado para servir de curriculum vitae, projeto que também abandonei porque, vocês ja viram blog de curriculo? São todos perfeitos e bem bolados, algo muito distante das minhas competências do momento. Resolvi resgatar a url para fazer mais um diario, que também não deu certo. Se você leu até aqui e quer me conhecer em varias fases da vida, como a mudança para a França, o emprego de garçonete, o primeiro emprego em comunicação, o namorado, o casamento, inclusive todos os antigos posts deste blog aqui, vai la no Across my head. So um aviso, ele continua bem bagunçado, pois essa sou eu lidando com quase 10 anos de posts em plataformas diversas.

Esse aqui é o meu recomeço em busca de um horizonte. Aos 30 anos. Novamente.

Anúncios

2 comentários sobre “Em busca de equilibrio

  1. Faça pra você. Não pra agradar leitores. Eu fiz o meu pra mim, pra ter como lembrança os dias que vivi. Para isso, tive que esconder a existência do blog de meus familiares e amigos mais chegados, pois saber que eles podem ler e interpretar as coisas diferente me limitava bastante. Hoje, me sinto liberta! Escrevo o que quero, sem amarras e sem pensar que estou magoando alguém…

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s